Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Um Só Mundo

Numa Escola inclusiva/ democrática, um espaço de partilha, aprendizagem e reflexão.

Um Só Mundo

Numa Escola inclusiva/ democrática, um espaço de partilha, aprendizagem e reflexão.

Exposição: Espiral da Memória...Uma Viagem no Tempo

   No ano em que se assinalam 75 anos sobre o ato de Aristides de Sousa Mendes e 70 anos da libertação do Campo de Concentração de Auschwitz, e perante a temática do projeto UNESCO, Refugiados e Heróis, do Passado e do Presente, desenvolvido este ano letivo no Agrupamento de Escolas de Carregal do Sal, no Museu Manuel Soares de Albergaria pode visitar a exposição Espiral da Memória...Uma Viagem no Tempo. Esta é constituída por uma série de 63 fotografias registadas em julho de 2014, no âmbito da viagem realizada pelas docentes Dores Fernandes, Cristina Festas a Auschwitz-Birkenau.

 

 

   Relativamente ao museu, de acordo com a página Carregal Digital

 

Encontra-se instalado no antigo edifício brasonado tradicionalmente conhecido pela população local como «Casa das Correntes» ou Solar dos Soares de Albergaria . O Imóvel é um belíssimo exemplar da arquitetura de meados do Século XX, de indelével planta em L, constituído por piso térreo e andar nobre. Da sua gramática decorativa sobressaem as sóbrias e elegantes fachadas, a arcada do alçado sul com escadaria em granito de dupla entrada e, virada a Norte, a varanda alpendrada, ao lado da qual ostenta o brasão de armas dos Albergarias.  

 

 

Carregal-digital.pt.(2015) Encontrado a 20 de dezembro de 2015, em http://www.carregal-digital.pt/pt/articles/museu-municipal/museu-municipal-manuel-soares-de-albergaria

   

 

Perante o atual flagelo dos refugiados e o carácter cíclico da História, o Um Só Mundo não podia deixar de divulgar esta iniciativa.

 

 

 

Não deixe de visitar!

E refletir...

 

cartaz espiral da memória

 

 

Presépios e mais Presépios por Escolas de Carregal do Sal

   

Cribs ESCS

 

 

 

    Como noticiado na página do Agrupamento de Escolas de Carregal do Sal, desde dia 3 de dezembro e até dia 6 de janeiro, as Escolas deste Agrupamento acolhem uma exposição de presépios organizada pelo Departamento de Educação Especial e a Professora de EMRC.

 

   Os belíssimos trabalhos apresentados foram levados a cabo por alunos, com a orientação dos professores indicados ou familiares, auxiliares de ação educativa, pais, técnicos especializados e docentes de EV. Não esquecer que foram apresentadas obras realizadas pelos alunos mais pequenos, como o presépio na sala da turma H da educadora Cristina Lares, responsável pela página Pequenos Patifes, os alunos da UEEA e as dos restantes com necessidades educativas especiais; entre outros. Na generalidade, os materiais foram reciclados e alguns podem vir a ser reutilizados

 

   O objetivo geral foi conseguido. Afinal, 

 

A família deve estar no centro de tudo!

 

 

   Infelizmente, para muitos, esta é uma frase recordada apenas nesta época do ano. Outros, nunca a puseram em prática, desconhecendo-a. E outros há, que apesar de a conhecerem e julgarem-se praticantes da magia que emana, não passam de espíritos incapazes de dar a mão ou lutar pelo seu semelhante em momentos de maior fragilidade. Desprenda-se de preconceitos, honorários e orgulho. Seja diferente.

 

   Veja algumas fotografias dos nossos presépios.

 

 

 

 

<<Desde o dia 3 de dezembro de 2015 até ao dia 6 de janeiro de 2016, a Escola Secundária de Carregal do Sal, a Escola Bá...

Publicado por Paulo Vasco Pereira em Sábado, 19 de Dezembro de 2015

Manual Capitações de Géneros Alimentícios para Refeições em Meio Escolar

   

   No blogue do Programa Nacional para a Promoção da Alimentação Saudável, Nutrimento, foi divulgado o manual Capitações de Géneros Alimentícios para Refeições em Meio Escolar: Fundamentos, Consensos e Reflexões. Este permite o planeamento mais saudável de refeições em meio escolar, bem como rever e aprender outros conteúdeos relacionados com a alimentação.

 

 

   Ao clicar, na imagem, pode descarregar este manual da nuvem do nosso blogue.

 

 

Capitações de géneros alimentalícios em meio escolar

 

 

 

Como Educar os Jovens? Os 5 Conselhos de Einstein

   No Observador de 30 de novembro deste ano, no artigo Como Educar os Jovens? 5 Conselhos de Einstein, dão-se a conhecer algumas das ideias de Einstein acerca da educação, segundo um artigo do El País.

 

   Se pretender, pode ler um ou ambos os artigos, bastando para tal aceder às hiperligações criadas. Quanto a nós, não podemos deixar de destacar, entre outras, as ideias seguintes deste grande mestre, Albert Einstein:

 

El País

 

 

A aprendizagem deve ser feita de uma maneira que possa ser recebida como a maior dádiva, e não como uma obrigação amarga.

 

 

(...) Essa é a melhor maneira de aprender, quando estás a fazer algo com tanto prazer que nem te dás conta do tempo a passar.

 

 

Não estava equivocado aquele que disse: “A educação é o que sobra quando se esquece tudo o que se aprendeu na escola”.

 

 

Deveria cultivar-se nos indivíduos qualidades que promovam o bem comum...

 

 

Temos que ter cuidado com os que pregam aos jovens o sucesso como o objetivo [principal] da vida (…). O valor de um homem deveria ser analisado em função do que dá, e não do que recebe. A função decisiva do ensino é despertar estas forças psicológicas [vontade de contribuir para o mundo] nos jovens.

 

 

 

Quais são as suas críticas acerca das "ideias" de Einsten, a respeito da educação?

Deixe-nos a sua opinião.

Como Ajudar o Seu Filho a Estudar?

   Na imagem / esquema constam várias medidas a adotar por forma a conseguir um melhor sucesso escolar do seu educando. 

 

Boa sorte!

 

Como ajudar o seu filho a estudar melhor

 

Todos Juntos a Aprender

   Os rapazes e as raparigas devem estar no mesmo plano de igualdade chegada a hora de aprender, intervir ou jogar. Para tal, devem compreender em que consiste uma aula inclusiva. O documento que aqui partilhamos, Aprendiendo Juntos, resulta do trabalho de uma equipa, em vários Centros Educativos Espanhóis, recorrendo ao jogo e dinâmicas diversas, com a finalidade de criar aulas que abarquem as nossas semelhanças e diferenças, incluindo todos e todas. 

 

   Para descarregar o livro, clique na imagem.

 

 

Aprendiendo Juntos

 

Adaptado de Save the Children (ES)

 

As Queens of Africa

   Taofick Okoya, nigeriano, querendo oferecer uma boneca negra à sua sobrinha, constatou que no mercado do seu país há uma grande quantidade de bonecas brancas e nenhuma negra, mesmo estando na Nigéria, o maior país com população de raça negra do mundo. Como diretor executivo de uma empresa de utensílios plásticos resolveu criar uma linha de bonecas inspirada nas rainhas negras: as Queens of Africa.

 

- A ideia é promover a autoaceitação e a confiança nas crianças africanas e nigerianas. Queria que elas gostassem de si mesmas e de sua raça. Percebi que a superexposição a bonecas e personagens brancos fazia com que elas desejassem ser brancas 

 

 

Eis três exemplares.

 

Queens of Africa

 

   Na UEEA do Agrupamento de Escolas de Carregal do Sal desde sempre educámos os nossos os nossos alunos para a diversidade, promovendo o respeito, aceitação e a integração. A fotografia que divulgamos apresenta uma das bonecas com as quais os nossos alunos brincam na Unidade (sim, os rapazes também brincam com bonecas se assim for seu desejo, sem qualquer influência na sua orientação/condição sexual!) e algumas das "esculturas", em plasticina, moldadas pelo nosso Artista de apenas 9 anos.  

 

De Paulo Vasco Pereira na UEEA2015-11-15

 

 

Fontes

O Incrível Zé

Arquivo de Fotografias da UEEA do AECS p/ Paulo Vasco